Sondagem das Empresa.."> Sondagem das Empresa.."> TI.Saúde planeja dobrar usuários e entrar no mercado da América Latina em 2021 - Algomais

TI.Saúde planeja dobrar usuários e entrar no mercado da América Latina em 2021

TI.Saúde planeja dobrar usuários e entrar no mercado da América Latina em 2021

Publicado em 17/02/2021 por Revista algomais às 5:45
Sócios da TI.Saúde comemoram crescimento de 2020 e projetam um 2021 ainda mais forte. Foto: Carlos Ezequiel Vannoni

Apontada como uma das startups que deve deslanchar em 2021 pela Sondagem das Empresas mais promissoras do Porto Digital, a TI.Saúde transita por dois segmentos em que Pernambuco e o Recife são referência. A healtech possui uma plataforma que conecta profissionais e instituições de saúde a pacientes por meio da tecnologia. “Através de nossos sistemas e apis, democratizamos o acesso da população à saúde. Nossa plataforma está presente de forma transparente dentro de aplicativos de plano de saúde e é utilizada por profissionais para comunicação e relacionamento com seus pacientes, permitindo não só o atendimento, mas também o acompanhamento no mundo digital de forma simples e prática por multi canal (via e-mail, sms, whatsapp e push notifications), com o diferencial de ter toda a automação baseada em dados e informações do prontuário eletrônico, com participação ativa do paciente”, explica o CEO Fred Rabelo.

A empresa deu os seus primeiros passos como um sistema para gestão de clínicas e consultórios. Por esse nascimento, a maioria da carteira de clientes é composta por médicos, fisioterapeutas, psicólogos e profissionais de saúde em geral. Rabela explica, no entanto, que o sistema evoluiu para uma plataforma online presente tanto do lado do profissional de saúde, quanto da instituição de saúde quanto do lado do paciente. “Hoje a plataforma é utilizada  também por Redes de saúde como planos de saúde que possuem diversos credenciados, municípios que possuem uma rede de atendimento diversificada, home-care que possui profissionais espalhados nas residências dos pacientes e até mesmo farmacêuticas que disponibilizam profissionais de saúde para orientação e atendimento à população”.

A Ti.Saúde hoje é utilizada por mais de 3500 usuários no País. A tecnologia é utilizada nos aplicativos de planos  como a Seguros Unimed, Unimed Odonto e Cassems. Também estão na lista de usuários alguns cursos de saúde da Universidade Católica de Pernambuco, Unifacisa (em Campina Grande), além do Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Pernambuco, projetos sociais como o Núcleo de Telessaúde de Pernambuco (Nutes) e até mesmo pela rede de orientação farmacêutica da Pharmapele.

Na pandemia surgiram algumas grandes oportunidades para a empresa, segundo Fred Rabele. Ele conta que o enfrentamento à Covid-19 expôs a necessidade da telemedicina para atendimento remoto e da assinatura digital para prescrições e atestados à distância. Ambas as funcionalidades já eram ofertadas pela Ti.Saúde. “Nós conseguimos implantar esses serviços a plataforma para qualquer cliente em menos de 24 horas, e isto nos proporcionou um grande crescimento. Saímos de 11 colaboradores e pouco mais de 1500 usuários na plataforma em Fevereiro de 2020 para 37 colaboradores e mais de 4000 usuários em fevereiro de 2021”.

Ele celebra também a participação da empresa em diversos projetos sem fins lucrativos no ano passado, como o Fale com a Parteira, que auxiliava mulheres grávidas durante a pandemia, e a CTC – Central de Telemonitoramento Clínico da UFPE, que atendeu mais de 10 mil pacientes entre Abril e Outubro de 2020. Devido a essas iniciativas, a Ti.Saúde recebeu prêmios e reconhecimentos internacionais, como o Meaningful Business 100 (MB100), o Selo Innovation Awards LatAm Positive Impact Startup e até mesmo o MIT Innovators under 35, da MIT Technology Review.

Para 2021 a meta da startup é ousada: dobrar o número de usuários (profissionais de saúde) até o final do ano, bem como ampliar nosso time de tecnologia, data science e atendimento ao cliente. Neste ano a empresa do Porto Digital deve dar seus primeiros passos para além das fronteiras do País também. “Queremos impactar o maior número de pacientes possível e por isso estamos iniciando nossa internacionalização para países de língua espanhola (américa latina), começando pelo Panamá. Com o lançamento do produto Ti.Saúde Conecta, a plataforma agora também agrega diversas soluções de CRM (Customer Relationship Management), funcionalidades que ampliam e melhoram o relacionamento médico-paciente, bem como serviços de posicionamento digital para instituições de saúde, o que inclui funcionalidades de marketing digital aliada à toda a tecnologia da plataforma Ti.Saúde”.

Ainda dentro do contexto de pandemia, Fred avalia que em 2021 permanece forte a necessidade da telemedicina e da assinatura digital para prescrições e atestados, bem como há um anseio para vacinar o maior número possível de pessoas com eficiência. Cenários que criam oportunidades para a TI.Saúde. “Trazemos soluções que democratizam o acesso da população à saúde, a exemplo da funcionalidade de controle de vacinação COVID 19 para municípios e instituições privadas de vacinação. A internacionalização do Ti.Clinic, bem como o lançamento do produto Ti.Saúde Conecta, de presença digital para profissionais de saúde, serão nosso maior objetivo para crescimento da empresa, aliado ao desafio de alcançar nossa visão com um time em expansão e em regime de home-office”, finaliza o CEO da empresa.

Para continuar lendo:
Tenha acesso a 5 textos
gratuitos todo mês
Cadastre-se gratuitamente »
Aproveite todo conteúdo da Revista Algomais sem limites
Assine »