Crítica| Primeiro Homem
Wanderley Andrade

Crítica| Primeiro Homem

Publicado em 18/10/2018 por Wanderley Andrade às 10:11

Ele foi aplaudido de pé por mais de três minutos no Festival de Veneza. Entre os presentes, o cineasta Guillermo del Toro e os atores Christoph Waltz e Naomi Watts. É um dos mais cotados para o Oscar de melhor filme no ano que vem. Quer mais? Foi dirigido por um dos grandes cineastas da nova geração, responsável por obras como Whiplash: Em Busca da Perfeição e La La Land: Cantando Estações, Damien Chazelle. Estou falando do longa Primeiro Homem, que chega aos cinemas nesta quinta.

Primeiro Homem acompanha a jornada de Neil Armstrong até o histórico momento em que pisa no solo lunar em 1969. Premissa simples, é verdade, mas trabalhada de forma genial por Chazelle, que entrega ao público uma obra ambiciosa. A trama não se prende tão somente à preparação para a missão, explora também os problemas pessoais de Armstrong, como a dor pela morte da filha de apenas dois anos.

O filme proporciona ao público uma inesquecível experiência sensorial. Cada detalhe tem sua importância para a narrativa, nada soa gratuito, principalmente o uso do som ou até a ausência dele em alguns momentos. Podemos sentir isso em cenas como a que o protagonista sai da nave após pousar na Lua. Prepare bem os ouvidos.

 

Divulgação: Universal Pictures Brasil

 

Destaco também o bom trabalho de fotografia de Linus Sandgren, que já trabalhou com Chazelle em La La Land. Além das belas imagens do espaço, difícil ficar indiferente aos close-ups dentro das aeronaves. O espectador tem a sensação de estar literalmente dentro da missão. Notícia não muito boa para os claustrofóbicos.

Ryan Gosling retoma outra vez a parceria com Damien Chazelle, após protagonizar o musical La La Land, que rendeu ao ator a indicação ao Oscar. Interpretação convincente que provavelmente dará ao ator outra indicação ao prêmio. Quem também está muito bem no longa é a atriz britânica Claire Foy, mais conhecida por protagonizar a série da Netflix, The Crown. No longa ela interpreta Janet, esposa de Armstrong.

Bilheterias

Primeiro Homem agradou a crítica, mas decepcionou na semana de estreia nos EUA. Orçado em US$ 60 milhões, arrecadou apenas US$ 16,5 milhões. Os outros dois filmes de Chazelle também não foram bem nas suas estreias, mas conseguiram considerável recuperação. La La Land estreou com US$ 9.2 milhões e arrecadou US$ 446,1 milhões no total. Já Whiplash atingiu na estreia a pífia marca de US$ 135 mil, alcançando mais adiante o total de US$ 49 milhões em bilheterias.

Para continuar lendo:
Tenha acesso a 5 textos
gratuitos todo mês
Cadastre-se gratuitamente »
Aproveite todo conteúdo da Revista Algomais sem limites
Assine »