Grupo Dislub Equador inaugura no Recife 1º posto verde do Nordeste
Rafael Dantas

Grupo Dislub Equador inaugura no Recife 1º posto verde do Nordeste

Publicado em 13/02/2020 por Revista algomais às 17:44
Humberto Carrilho é o sócio-diretor do Grupo Dislub Equador.

Nesta sexta (14), o Grupo Dislub Equador inaugura no Nordeste o primeiro posto mais ‘verde’ da empresa. Localizada na Avenida Dezessete de Agosto 2290, bairro de Casa Forte, no Recife, a nova unidade vai gerar 20 empregos diretos. Entre as iniciativas sustentáveis está a recuperação de gases eliminados durante o abastecimento dos veículos. A intenção é evitar a inalação dos mesmos pelo cliente e frentista. É o primeiro da região Norte/Nordeste a contar com esse recurso.

Outra novidade é o aproveitamento da luz solar na cobertura do posto para gerar energia voltada ao seu funcionamento. Com a abertura dessa nova unidade, a Dislub amplia sua marca na região, alcançando 435 postos entre Norte e Nordeste. Desse total, além das novas unidades, mais de 100 postos fraqueados na região já passaram pela conversão da bandeira e receberam a nova imagem do grupo.

Combustível sustentável
No portfólio de produtos, a nova unidade vai contar com combustíveis DuraMais – gasolina e diesel – menos poluentes, mais limpos e que permitem ampliar em torno de 10% o desempenho do motor. O objetivo é reduzir as emissões de gases de efeito estufa, com a diversificação de matriz energética. “Faz parte de nosso DNA buscar formas de amenizar os impactos ambientais e também incentivar a rede de postos a adotarem boas práticas sustentáveis na operação”, adianta o sócio-diretor do Grupo Dislub Equador, Humberto Carrilho.

Além dos combustíveis de transição energética da marca DuraMais (gasolina e diesel), que tem homologação dos organismos da ONU (UNITAR), o posto comercializará também o GNV (Gás Natural Veicular), produto menos poluente ao meio ambiente.  O executivo informou que, no novo posto, haverá ainda a coleta seletiva de resíduos e a adoção de um sistema inovador de contenção de ruídos, através de uma cabine acústica no compressor de GNV, para evitar poluição sonora no entorno do posto.

Para continuar lendo:
Tenha acesso a 5 textos
gratuitos todo mês
Cadastre-se gratuitamente »
Aproveite todo conteúdo da Revista Algomais sem limites
Assine »