Domingo na Fundaj com programação gratuita

Domingo na Fundaj com programação gratuita

Publicado em 04/12/2018 por Revista algomais às 18:44
Cinema, circo, música, oficinas e roda de leitura para a criançada fazem parte do evento que acontece no domingo 09, no campus Derby

A Fundação Joaquim Nabuco lança a primeira edição do Domingo na Fundaj. O evento acontece no próximo dia 09 no Derby e conta com uma programação gratuita das 10h às 18h! Parte da rua Henrique Dias estará bloqueada para que o público possa aproveitar melhor as atividades externas, como shows, circo e doação de livros.

“Teremos música, leitura, cinema, exposições e outras atividade que possam integrar o cidadão a todos os espaços da Fundação. A Fundação vai estar aberta pro cidadão, para ele conhecer o que podemos oferecer”, destaca Ivete Lacerda, presidente da Fundaj.

As ações lúdico-educativas acontecerão nas áreas interna e externas do edifício. A Coordenação de Artes da Fundaj (COART) oferecerá oficinas para todo o público: pegadas policromadas para as crianças, oficina de Twister e bolha de sabão gigante, câmera mágica – com experiências como fotografia e imagem produzidas pelos participantes – e oficina de kirigami, que envolve dobradura e recortes.

O cinema estará com uma programação especial para a família. Pela manhã, o filme Dumbo envolve a família nas telonas e a tarde conta com programação retrospectiva. “O filme é lindo, envolve toda a família. É um clássico da Disney”, comenta a coordenadora do Cinema da Fundação, Ana Farache.

Já na sala de leitura Nilo Pereira, o público poderá conferir contação de história sobre cultura popular. “As histórias serão passadas de forma lúdica, pedagógica e interativa, buscando aproximação maior da família com a nossa cultura”, explica a coordenadora da Blanche Knopf, Nadja Tenório Pernambucano.

A área externa da Fundaj Derby receberá também um circo itinerante que vai oferecer atividades para o público de todas as faixas etárias. Oficina de acrobacias, aéreo, equilíbrio e malabares vão garantir a diversão das 10h às 16h. Em seguida, o espetáculo Vaudeville irá reunir o público com muita alegria reunindo diversos números de circos tradicionais e trazendo reprises clássicas de palhaços brasileiros, que convidam o público a participar das cenas e compartilhar com a ludicidade e a alegria do picadeiro. Também na área externa, a campanha Um Livro de Coração estará doando e recebendo livros para todas as idades.

Além disso, a Galeria Vicente do Rego Monteiro estará de portas abertas com a exposição Marcas, do artista plástico paulista Jaime Lauriano e com curadoria de Moacir dos Anjos, que mostra como as marcas da escravidão perpetuam até os dias de hoje.

“O objetivo é aproximar o público da Fundaj, em especial depois da requalificação do prédio do Derby. É uma iniciativa para que as pessoas voltem a frequentar o bloco do Derby e conheçam o prédio reformado. A proposta é incentivar o público a reapropriar a rua, mostrar o direito de utilizar a rua como espaço público de convivência”, explica Herrison Dutra, um dos coordenadores do projeto.

Serviço

Domingo na Fundaj
Local: Fundaj Derby, Rua Henrique Dias, 609
Dia: 09 de dezembro
Horário: 10h às 18h


Programação completa

Um Livro de Coração Faixa etária: Todas as idades Horário:
10 às 18 horas Campanha de doação de livros para o público
Oficina de Acrobacias Faixa etária: Dos 10 aos 50 anos Horário:
10 às 12 horas
14 às 16 horas Solo, mini tramp, trampolim, mão a mão
Oficina de Aéreo Faixa etária: Dos 10 aos 50 anos Horário:
10 às 12 horas
14 às 16 horas Tecido, lira, trapézio fixo
Oficina de Equilíbrio Faixa etária: Dos 10 aos 50 anos Horário:
10 às 12 horas
14 às 16 horas Arame, perna de pau, pirâmide
humana cilindro Chinês
Oficina de Malabares Faixa etária: Dos 10 aos 50 anos Horário:
10 às 12 horas
14 às 16 horas Bolinhas, claves, aro, swing, diabolô, fita, doublestick

Exposição “Marcas” com mediação Faixa etária:
Todas as idades Horário:
10 às 20 horas Pretende discutir, por meio de imagens e formas, os modos como os corpos negros são representados no Brasil do passado e no de agora. Conta com visita mediada pelos educadores da Coordenação de Artes Visuais

Oficina de Câmara Mágica
Faixa etária:
Dos 10 aos 14 anos Horário:
10 às 12 horas A proposta da oficina se encaixa em um exercício de recriar a câmara escura e buscar através do seu processo de criação, entender um pouco mais como a fotografia é capaz de estreitar nossa relação com os ambientes que frequentamos. Como forma de dar um sentido mais pessoal entre as crianças e a câmara mágica de cada
uma, após finalizar sua estrutura, elas irão personalizar suas caixas, com desenhos, pinturas e colagens

Oficina de Kirigami
Dos 7 aos 16 anos Horário:
14 às 16 horas A partir da arte japonesa de cortes de papel, a oficina se propõe a criar ou recriar novas configurações de imagens, tendo como visão a chegada do natal, priorizando assim figuras cotidianamente relacionadas a data comemorativa

Oficina de Bolhas de Sabão Gigantes

Dos 7 aos 14 anos Horário:
10 às 16 horas Feitura de bolhas de sabão gigantes, a partir de suporte produzido com barbante e madeira

Oficina de Twister 

Dos 4 aos 20 anos
10 às 16 horas Revisitando o antigo jogo popular de Twister, o educativo produziu sua versão do jogo, de modo que os participantes exercitarão a coordenação motora com a composição de cores

Oficina de Pegadas Policromadas
Faixa etária:
Dos 1 aos 9 anos Horário:
10 às 16 horas Através das pegadas com o plástico bolha em relação a tinta, os participantes irão experenciar questões de cores e do tato ao caminhar
Cinema da Fundação Faixa etária:
Livre 10h30 Exibição do filme Dumbo, clássico da Disney que conta as aventuras de um elefante voador.
Contação de história na Sala de Leitura Nilo Pereira Faixa etária: Livre Horário:
10h às 12h
14h às 16h Histórias sobre a cultura pernambucana, como o Cordel.
Espetáculo “Vaudeville –
espetáculo de variedades
circense Faixa etária:
Todas as idades Horário:
17 às 18 horas O espetáculo traz a cena números de aéreo, equilíbrio e malabares,Além de reprises clássicas de palhaços brasileiros, que convida o público a participar das cenas e compartilhar com a ludicidade e a
alegria do picadeiro

Para continuar lendo:
Tenha acesso a 5 textos
gratuitos todo mês
Cadastre-se gratuitamente »
Aproveite todo conteúdo da Revista Algomais sem limites
Assine »