Júlio Ferraz se despede de 2019 com single e EP
Yuri Euzébio

Júlio Ferraz se despede de 2019 com single e EP

Publicado em 06/12/2019 por Revista algomais às 17:00
Foto: Giselle Rosa

Com o avanço da tecnologia e o avanço da internet, novas formas de consumo e produção de música de popularizaram, há quem ache isso bom para os músicos, como também há quem ache isso péssimo. O fato é que a nova realidade permite experiências diferentes para o artista. Na última segunda-feira, 2, entrou no ar no YouTube e no Facebook do selo Discobertas, o primeiro vídeo/single das “Sessões na Casa do Kaos”, do músico e compositor pernambucano Júlio Ferraz. A faixa escolhida para dar início a seu novo projeto foi “Helena”, canção originalmente lançada em 2018 no álbum “O Manifesto Das Cores”.

Trata-se de um primeiro single de uma série que nasce em paralelo aos álbuns e EPs de inéditas, a partir de gravações ao vivo produzidas nos tapes analógicos do estúdio do produtor Adriano Leão, em João Pessoa na Paraíba, onde o artista revisitou seu repertório em sessões solitárias nas cabines do estúdio Casa do Kaos com performances acústicas. Júlio está ressignificando sua obra numa versão mais intimista e soltando essas novas versões em vídeo e no streaming. Sinal dos novos tempos ou resultado do cenário atual, não importa muito, pra mim o que importa mesmo é ouvir e fazer música.

As gravações aconteceram no dia 18 de maio de 2019, e além dos tapes gravados houve todo um registro visual feito pela artista Giselle Rosa, que captou em fotos e vídeos todo o processo de produção. O material também está disponível em áudio em todas as plataformas digitais.

“Em 18 de maio de 2019, viajei ao lado da minha amiga, ilustradora e multi-artista Giselle Rosa até a cidade de João Pessoa na Paraíba. Pegamos a estrada levando o meu violão de aço, algumas fitas ampex, e fomos ao estúdio Casa do Kaos, do velho amigo Adriano Leão, produtor musical e parceiro de vários trabalhos com o Novanguarda e alguns dos meus projetos solo. Passamos um dia inteiro fazendo longos registros de voz e violão em tapes analógicos, com Giselle Rosa captando as imagens em fotografias e vídeos. Traduzindo de forma crua, com releituras de canções lançadas desde o início de minhas atividades solo, trazendo também no repertório algumas canções ainda inéditas”, contou Julio.

“Ao retornar ao Recife, enviei todo o material para Marcelo Froes e decidimos lançar uma série de vídeos e singles desse material, que para mim também será uma forma de me reconectar com o público que não me vê em apresentações ao vivo a algum tempo.  A estreia será com “Helena”, faixa que me traz de volta ao Riacho do Gavião, no município de Floresta, onde passei a minha infância. Uma canção originalmente lançada no álbum “O Manifesto das Cores” de 2018, e que também fez uma rápida presença em um preview no meu primeiro álbum solo “A Ilha Da Inconsciência No Espelho Polifônico Das Bifurcações Do Tempo”, em 2016.  É um trabalho que traz um sentimento forte para mim, pois retrata uma fase de muita introspecção e mudanças. Os registros trazem um momento sensível, que chega a parecer frágil, mas ao mesmo tempo mostra um Júlio forte, vencendo mais um temporal”, explicou o músico.

Tom Zé e  Ave Sangria no Baile Perfumado

Amanhã é dia de um encontro épico no palco do Baile Perfumado, Tom Zé e Ave Sangria se apresentam na casa à partir das 21 horas.

As apresentações desses dois gigantes da música brasileira e nordestina celebram os 50 anos de carreira do artista da tropicália e o lançamento de um disco após 45 anos do grupo pernambucano de rock psicodélico. O inigualável baiano de Irará vem com um repertório clássico, cheio de músicas marcantes de sua carreira, como “Parque Industrial”, “Xique Xique” e “Tô”.

Já a Ave Sangria  apresenta músicas do álbum “Vendavais”, com 11 canções inéditas feitas entre 1972 e 1974, mas que só foram gravadas em 2019, 45 anos depois. Além de alguns clássicos do antológico e seminal primeiro álbum do grupo.

Eu, fosse tu, não perdia essa maravilha nem a pau!!

Serviço

Sábado (7), às 21h

Baile Perfumado – Rua Carlos Gomes, 390, no bairro do Prado, na Zona Oeste do Recife

Ingressos à venda a R$ 40, pela internet e nas lojas Disco de Ouro, Passadisco e Avesso.

Para continuar lendo:
Tenha acesso a 5 textos
gratuitos todo mês
Cadastre-se gratuitamente »
Aproveite todo conteúdo da Revista Algomais sem limites
Assine »