Proscenium! segue encantando o público no Teatro de Santa Isabel

Proscenium! segue encantando o público no Teatro de Santa Isabel

Publicado em 02/04/2019 por Revista algomais às 5:00
Espetáculo interativo integra o projeto Teatrando!, criado pela Prefeitura do Recife

Uma experiência sensorial e imersiva pelas dependências do Teatro de Santa Isabel. O Proscenium! segue encantando o público todas as terças, às 15h. A visita jogo narra a história de personagens fantasmagóricos que lutam para evitar a destruição da casa de espetáculos.

Liderado pelo Maestro e pelas deusas protetoras Atena, Artemis e Euterpe, o público é convidado a participar e contribuir com o desenvolvimento da narrativa, ao mesmo tempo em que conhece detalhes sobre a história e instalações do Teatro. “É a primeira vez que venho ao Santa Isabel. Foi muito especial o que vivi nesta tarde, vai ficar na memória para o resto da minha vida. Foi tudo mágico e emocionante”, contou a visitante Paloma Gabriele, que veio de Carpina, interior de Pernambuco.

A cantora Carolina Valverde descreve a experiência vivida. “É uma forma diferente de se contar uma história tão linda, do nosso Teatro de Santa Isabel. Faço muita fé que todos os envolvidos na produção possam mostrar para muita gente – porque, de fato, me emocionei”, derrama-se.

Proscenium! dura cerca de duas de horas. Ele integra o projeto Teatrando!, criado pela Prefeitura do Recife e realizado pelo IDG, com verba do Santander, via Lei Rouanet. O enredo é de Analice Croccia, Célio Pontes e Quiercles Santana, com direção geral dos dois últimos.

O elenco é formado por Alexandre Sampaio, Bruna Luiza Barros, Douglas Duan, Ellis Regina, Kadydja Erlen, Luciana Lemos, Paulo de Pontes e Rafael Dyon. A direção musical é de André Freitas.

A visita é indicada para maiores de 10 anos. Para participar da visita Proscenium! é preciso realizar inscrição com antecedência pelo telefone (81) 3355-3323.

Para continuar lendo:
Tenha acesso a 5 textos
gratuitos todo mês
Cadastre-se gratuitamente »
Aproveite todo conteúdo da Revista Algomais sem limites
Assine »