São João: fique alerta com os acidentes com queimaduras

São João: fique alerta com os acidentes com queimaduras

Publicado em 23/06/2019 por Revista algomais às 8:40

O Nordeste se enfeita para saudar São João. Por todos os lados, festas, fogueiras e fogos de artifício animam a Região. Mas é preciso tomar alguns cuidados e evitar acidentes com queimaduras. As lesões podem matar ou deixar sequelas graves para toda a vida.

“Neste período junino, é comum acender fogueiras. É preciso se manter sempre afastado para evitar que fagulhas e faíscas caiam nas roupas e jamais tentar pular. Também é preciso prestar atenção ao local onde a fogueira está sendo feita, para evitar incêndios, e à direção do vento”, alerta o cirurgião Marcelo Borges, coordenador do SOS Queimaduras e Feridas, do Hospital São Marcos, no Recife. O especialista é membro da Sociedade Brasileira de Queimaduras. O álcool não deve ser usado para acender fogueiras, pois o vapor pode ir em direção ao fogo e causar uma explosão.

Marcelo Borges também adverte sobre o uso dos fogos de artifício. Mesmo os que são considerados fracos podem causar lesões, como cegueira e amputações de dedos e até das mãos. O ideal, aconselha o cirurgião, é evitar brincar com bombinhas e rojões. “Se fizer uso dos fogos, não se deve acender próximo ao rosto”, orienta.

É importante, ainda, verificar se os fogos não estão rasgados ou úmidos e se o pavio está inteiro. Outro cuidado que deve-se tomar é não tentar aproveitar uma bombinha se ela tiver falhado. Além disso, prestar atenção à origem dos fogos e soltá-los em um ambiente aberto.

Nesse período em que a comida também ganha destaque, é preciso tomar alguns cuidados na cozinha, o local da casa onde mais acontecem queimaduras. Por isso, é preciso evitar que as crianças cheguem perto do fogão. Ao cozinhar, é recomendado que sejam usadas as bocas do fundo, deixando os cabos das panelas sempre para dentro. E caso uma panela com comidas gordurosas pegue fogo, o correto é tampá-las ou cobrir com um pano, sem jogar água. Na mesa, deve-se evitar toalhas compridas para que as crianças não consigam puxá-las.

Mas, se ocorrer um acidente mesmo após tomar todos os cuidados, é preciso agir rápido. O primeiro passo é lavar a área queimada com água corrente por pelo menos 15 minutos. Se formar bolhas na pele, não deve-se estourá-las. Nenhum produto deve ser colocado na lesão, como pasta de dente, pó de café, óleo de cozinha e manteiga. A área deve ser coberta com um pano limpo e é preciso procurar atendimento médico imediatamente.

Segundo dados da Sociedade Brasileira de Queimaduras, cerca de um milhão de pessoas são vítimas de acidentes com queimaduras todos os anos no Brasil. Desse total, 40% são crianças e adolescentes até 15 anos. Além disso, 80% dos acidentes ocorrem dentro de casa.

Cuidados as queimaduras:

– Lavar com água corrente por cerca de 15 minutos

– Remover acessórios como anéis, pulseiras, cintos, sapatos e brincos

– Cobrir a área afetada com um pano limpo, como uma toalha

– Procurar atendimento médico

– Se as suas roupas pegarem fogo, a pessoa deve deitar no chão e rolar até apagar ou usar um cobertor para abafar o fogo

– Não fazer curativos e não furar as bolhas até receber atendimento médico

– Não usar pasta de dente, pó de café, óleo de cozinha, manteiga. Esses produtos podem aumentar a lesão e causar infecções

 

Para continuar lendo:
Tenha acesso a 5 textos
gratuitos todo mês
Cadastre-se gratuitamente »
Aproveite todo conteúdo da Revista Algomais sem limites
Assine »