Festival REC’n’Play chega à segunda edição e movimenta o Recife Antigo

Festival REC’n’Play chega à segunda edição e movimenta o Recife Antigo

Publicado em 06/11/2018 por Revista algomais às 18:18
Evento gratuito será realizado entre os dias 7 e 10 de novembro

De amanhã (7) até sábado (10), o festival REC´n´Play promove, no Bairro do Recife, diversas atividades, entre workshops, palestras e oficinas, nas áreas de tecnologia, economia criativa e cidades inteligentes. A programação é gratuita e aberta a pessoas de todas as idades. Nesta edição, o festival terá 354 atividades, realizadas em 20 diferentes pontos e articuladas por 245 convidados de renome nacional e internacional. O Festival, realizado pelo Porto Digital, é apresentado pelo Sebrae com co-realização da Ampla, e em parceria com a Prefeitura do Recife, Accenture e Smart Networks. O REC’n’Play ainda conta com apoio da Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo no Estado de Pernambuco – Sescoop/PE.

Na sua segunda edição, o Rec´n´Play se consolida como o maior festival de experiências digitais do Nordeste. Foram registradas inscrições de pessoas de 17 estados de todo o país, de regiões como o Centro-oeste, Sul e Sudeste, a exemplo de Brasília, São Paulo e Rio Grande do Sul. A programação deste ano foi pensada a partir de três trilhas de conhecimento: tecnologia, cidades inteligentes e economia criativa. Dentro de cada trilha serão realizadas atividades voltadas para a educação, negócios e entretenimento.

Entre as atividades, destacam-se as do Open Innovation Br, programa do Porto Digital que vai contar um espaço exclusivo durante o festival. A atividade terá Keynote de Silvio Meira, que irá falar sobre “Inovação em tempos de transformação digital e organizações em redes”, além de debates e apresentação de cases. O 1º Wehack também deve movimentar o festival. A atividade, promovida pelo Elo e pela Cielo, irá desafiar os participantes a apresentar novas soluções para os meios de pagamento. A atividade prevê cerca de R$ 24 mil em premiação para as melhores equipes.

Para o público infantil haverá o Coding for Kids, uma oficina de desenvolvimento de jogos para crianças de 8 a 12 anos. Já os interessados em games, com idade entre 13 e 16 anos, podem participar da oficina Criação de Personagens- Gamefication. A atividade acontece em paralelo à premiação dos melhores projetos desenvolvidos no Pernambucoders, projeto do Porto Digital realizado entre 2016 e 2018. A Prefeitura do Recife terá mais de 60 atividades no festival. Entre elas estão o Seminário Gov In Play, que debate as inovações tecnológicas no setor público, e a validação do Plano de Turismo Criativo do Recife.

A 4ª edição do Desafio EcoRecife 4.0, um concurso de jogos digitais que escolherá os melhores games educativos, também deve movimentar o Bairro do Recife. Este ano, o tema será “Orla Marítima” e os três melhores colocados do certame receberão R$ 40 mil em prêmios. O Play Moda vai realizar um desfile que vai apresentar looks confeccionados a partir de resíduos eletrônicos, associando a moda, o artesanato, a sustentabilidade e a diversidade. Na oficina de introdução à programação voltada para mulheres, as participantes vão poder entender um pouco mais sobre a lógica da programação e irão criar um aplicativo simples para o sistema Android.

Sucesso na primeira edição do REC´n´Play, a oficina de Whatsapp para pessoas idosa ganha sua segunda edição, promovida pela Gerência da Pessoa Idosa do Recife. Poderão participar até 20 idosos em cada oficina, por ordem de chegada. É necessário levar o celular. Já a Secretaria de Turismo, Esportes e Lazer do Recife irá promover o workshop Design Thinking, com o designer Flank Bekemball. No Paço do Frevo haverá a Oficina de Design de Set (DJ) para mulheres, com Nadejda Maciel.

SERVIÇO

Festival REC’n’Play

Quando: de 7 a 10 de novembro
Onde: Bairro do Recife
Outras informações, programação e inscrição: http://recnplay.pe

Para continuar lendo:
Tenha acesso a 5 textos
gratuitos todo mês
Cadastre-se gratuitamente »
Aproveite todo conteúdo da Revista Algomais sem limites
Assine »