Roadshow discute a importância da Lei Geral de Proteção de Dados para a sociedade

Roadshow discute a importância da Lei Geral de Proteção de Dados para a sociedade

Publicado em 15/05/2019 por Revista algomais às 17:02

Coletar dados de clientes sem autorização é uma prática ainda comum no mercado. Mas isso deve acabar, de vez, com a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), que entra em vigor em agosto de 2020. O assunto será um dos temas discutidos no “UPDAYTI”, roadshow que vai reunir gestores de TI, nesta sexta-feira (17), no Hotel Luzeiros, no Pina, a partir das 8h30.
A LGPD vai proteger informações sensíveis (como nome, idade, gênero, endereço, e-mail e CPF), criando regras em relação à coleta, armazenamento e uso de dados pessoais.

De acordo com o CEO do grupo Optimize e um dos organizadores do “UPDAYTI”, André Navarrete, “a lei vem pra estimular a autonomia do titular sobre as próprias informações. Isso obriga as empresas a implementar a proteção desses dados, já que violações de segurança estarão sujeitas a multas.” Ao garantir maior privacidade e controle de informações, a LGPD afetará todos os setores da economia e companhias de todos os tamanhos. A nova lei se aplica também a subcontratantes da empresa de posse dos dados, como fornecedores, agências e parceiros de tecnologia.

A IBM, uma das maiores empresas de tecnologia da informação do mundo, já está preparada para as mudanças. Em entrevista à Folha de São Paulo, no último dia 10, o presidente da companhia no Brasil, Tonny Martins, admitiu que a proteção de dados é a principal agenda de tecnologia, hoje. “A lei vai trazer benefícios. Entendemos que a privacidade é fundamental, porque nossas vidas e negócios estão no mundo digital e a gente precisa de algo que regule esse processo”, frisou Tonny.

Entre os temas discutidos, estão Business transformation (transformação dos negócios), IOT (Internet das coisas), Big Data (superbases de dados), Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), Wifi inteligente, Blockchain (segurança das transações com criptomoedas, como as Bitcoins) e Cyber security (tecnologias, processos e práticas que protegem redes e dispositivos de ataques cibernéticos).

Para continuar lendo:
Tenha acesso a 5 textos
gratuitos todo mês
Cadastre-se gratuitamente »
Aproveite todo conteúdo da Revista Algomais sem limites
Assine »