Jogos digitais com foco em sustentabilidade promovem experiências lúdicas e aprendizagens para a garotada

Jogos digitais com foco em sustentabilidade promovem experiências lúdicas e aprendizagens para a garotada

Publicado em 23/07/2019 por Revista algomais às 11:27
A Prefeitura do Recife, por meio da Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade, possui um acervo de 17 games ambientais desenvolvidos em cenários da capital pernambucana, como Marco Zero e Jardim Botânico

Brincando e jogando, crianças podem dar significação às suas experiências, recriar o mundo e exercitar valores sociais. Cuidados com a natureza, lixo urbano, biodiversidade e sustentabilidade dos mangues são algumas das temáticas abordadas nos jogos digitais da Prefeitura do Recife, por meio da Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade, que estão sendo trabalhados durante a Ecoférias. Os games estão disponíveis na plataforma Google Play através do livro digital Mangue e Tal PlayBook (10 jogos), nos tablets da rede municipal de ensino (14 jogos) ou através de link para download (todos os jogos). No ambiente digital do Econúcleo Jaqueira, a sala ECOInteratividade, os jogos são apresentados em diferentes plataformas: Touchscreen (PC Tela Touch e Android) e Realidade Virtual (PC Oculus Rift).

Preservando Recife, Jô – Por um Recife Mais Verde, Recife Limpeza, Capibaribe – O Guardião da Biodiversidade, Preservando Recife, Mangue e Tal – Marco Zero são alguns dos jogos digitais que chamam atenção da garotada através de cenários inspirados na capital pernambucana, cujos protagonistas são os personagens da Turma Mangue e Tal, ao ritmo de ciranda e maracatu. Disponíveis no Econúcleo do Parque da Jaqueira e nas ações do programa “Educar para uma Cidade Sustentável”, realizado nas escolas da rede municipal de ensino, os jogos aliam diversão e aprendizado com o objetivo de reforçar o compromisso socioambiental das crianças e adolescentes, baseados nos eixos temáticos de sustentabilidade, verde urbano, resíduos sólidos, recursos hídricos e biodiversidade. “Praia do Pina, Memorial Chico Science, Marco Zero, Jardim Botânico e o Parque da Jaqueira são alguns dos cenários dos jogos digitais, muitos deles criados no Desafio EcoRecife, iniciativa da Prefeitura do Recife que premia os melhores games com foco no mo ambiente. É importante destacar que atividades lúdico-tecnológicas como essas fazem com que as crianças possam experimentar outras maneiras de reinventar o mundo real”, explica o secretário de Meio Ambiente e Sustentabilidade, José Neves Filho.

Um passeio diferente através das lentes dos óculos de realidade virtual também entra na rota digital ambiental. Ao visitar a sala de Ecointeratividade do Parque da Jaqueira e colocar o acessório, o usuário simula um passeio de balão, bicicleta e barco pelas margens do Rio Capibaribe, com trechos que vão do Parque Santana ao Jardim do Baobá. O roteiro encanta ao mostrar uma nova perspectiva da cidade que contempla o projeto Parque Capibaribe.

Diversos autores analisaram a relação entre os jogos e os seres humanos, entre eles Huizinga (1955), Bartle (1996), Salen e Zimmerman (2003) e Koster (2013). Com base em manter a relação do ser humano e meio ambiente, aliando reflexão em relação às suas atitudes, os jogos oferecem ao usuário a oportunidade de fazer escolhas significativas, assim como desenvolver o senso de propósito ao assumir um papel importante no cenário, contribuindo para uma causa maior. No jogo digital Ecoaventura, os personagens Jô, Dom, Riso, Otto, Morena e Dü Porto, da Turma Mangue e Tal, enfrentam diversos obstáculos para proteger o meio ambiente de sua cidade, Recife. O Marco Zero, a Praia de Boa Viagem, o Centro e o Rio Capibaribe são alguns dos cenários que ambientam a missão. No decorrer do jogo, os personagens adquirem pontos – representados por número de árvores plantadas (Jô), lixeiras de coleta seletiva (Dom), animais salvos (Otto) e lixo coletado do rio (Riso e Morena) – que podem ser posteriormente trocados por prêmios da loja virtual, que simbolizam a cultura local. Já o game Capibaribe – O Guardião da Biodiversidade mostra a importância da conscientização ambiental e alerta sobre a poluição. Além do modo aventura contendo cinco fases de estilos diferentes, o game também elabora um quiz com perguntas sobre o Rio Capibaribe e o meio ambiente. “Esses jogos foram desenvolvidos ao longo de três meses e contemplados no concurso de jogos digitais Desafio ECORecife. É importante levar em consideração que as temáticas que permeiam o universo ambiental estão retratados de forma lúdica nos 17 jogos da SMAS, com fases, desafios e missões a serem cumpridas pelos jogadores”, reforça Daniel Nipo, Game Designer da Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade.

Acesse o link para download de todos os jogos:

https://bit.ly/2jiuQEW.

JOGOS DESENVOLVIDOS PELA SECRETARIA DE MEIO AMBIENTE E SUSTENTABILIDADE DO RECIFE

Aventuras do Bem (Sustentabilidade, verde urbano, resíduos sólidos, recursos hídricos e biodiversidade )

CAPIBARIBE – O Guardião da Biodiversidade (Biodiversidade)

Ecoaventura (Sustentabilidade, verde urbano, resíduos sólidos, recursos hídricos e biodiversidade)

Ecombinando (Resíduos Sólidos)

Jô – Por um Recife Mais VERDE (Verde Urbano)

Mangue e Tal – O Mistério da Fábrica Sinistra (Mudanças Climáticas)

Mangue e Tal – PlayGround City (Resíduos Sólidos)

Mangue e Tal – Marco Zero (Sustentabilidade, verde urbano, resíduos sólidos, recursos hídricos e biodiversidade)

Mangue e Tal Contra a Invasão das Máquinas (Resíduos Sólidos)

Mangue e Tal PlayBook (Livro gamificado que centraliza os jogos mobile)

Mangue e Tal Poket (Mudanças Climáticas)

Mangue e Tal vs Dr. Lixo (Resíduos Sólidos)

Meu Recife Melhor ((Sustentabilidade, verde urbano, resíduos sólidos, recursos hídricos e biodiversidade)

Preservando Recife (Sustentabilidade, verde urbano, resíduos sólidos, recursos hídricos e biodiversidade)

Recife Limpeza (Resíduos Sólidos)

Reciclo (Resíduos Sólidos)

Rio Limpo (Resíduos Sólidos)

SAIBA MAIS:

Aventuras do Bem: Turma Mangue e Tal

É um jogo de tabuleiro digital para dois jogadores, cujos protagonistas são Otto e Riso, da Turma Mangue e Tal. Eles saíram pela cidade do Recife numa disputa do bem: enfrentar diversos desafios que encontramos no dia a dia para ajudar a tornar a cidade melhor. O game conta com um tabuleiro digital e os personagens simulam peças físicas de tabuleiro. Cada uma das casas (são 20 no total) acomoda um desafio que pode englobar temas como lixo urbano, trânsito, biodiversidade, entre outros, além de contar com diversas referências verídicas, como alusões ao Horto Dois Irmãos, Parque da Jaqueira, Centro Clarice Lispector, Memorial Chico Science, entre outros. O gameplay central do jogo consiste em enfrentar o desafio de cada etapa,respeitando as ações que são impostas no decorrer das casas. Ganha quem fizer 100 pontos primeiro. Os jogadores também podem perder pontos em algumas respostas, o que ajudar a deixar a disputa mais acirrada. O game foi feito pensando em alta rejogabilidade, como é padrão em jogos de tabuleiro físicos. Sendo assim, poderia ser facilmente adaptado a uma versão física para quem sabe alcançar locais (salas de aula, por exemplo) sem acesso direto a computadores. As regras são simples e intuitivas.

Capibaribe – O Guardião da Biodiversidade

Liderada por Riso, a Turma Mangue e Tal participa de um mutirão para diminuir a poluição do Capibaribe. No processo, eles aprendem a importância da conscientização e que só limpar não adianta. O objetivo do jogo é mostrar a importância do Capibaribe e da conscientização ambiental. Além do modo aventura contendo 5 fases de estilos diferentes, o game contém quiz com perguntas sobre o Rio e o meio ambiente após término de cada mapa. A trilha sonora foi especialmente criada para o projeto, homenageando ritmos e temas pernambucanos.

Ecoaventura

O jogo envolve elementos de ação, aventura e corrida. Os personagens Jô, Dom, Riso, Otto, Morena e Dü Porto enfrentam diversos obstáculos para proteger o meio ambiente de sua cidade, Recife. O Marco Zero, a Praia de Boa Viagem, o Centro e o Rio Capibaribe são alguns dos cenários da capital pernambucana que ambientam a ecoaventura. No decorrer do jogo, os personagens adquirem pontos – representados por número de árvores plantadas (Jô), lixeiras de coleta seletiva (Dom), animais salvos (Otto) e lixo coletado do rio (Riso e Morena) – que podem ser posteriormente trocados por prêmios da loja, que simbolizam a cultura local.

Ecombinando

Com uma mecânica simples e desafiadora de juntar 3 itens iguais, Ecombinando é um Tile-Matching Puzzle game, gênero que vem ganhando força nos mercados web e mobile, sendo desta vez totalmente ecológico. O jogador e Dom saem da aula de sociologia com o desejo de vencer o desafio interescolar ecológico. O objetivo é simples: os alunos de todas as escolas da região vão criar objetos usando somente resíduos sólidos que eles coletarem da rua. De maneira lúdica, Ecombinando ajuda no entendimento dos benefícios da reciclagem e da importância de manter as ruas e o nosso planeta limpo. O game foi desenvolvido pela equipe Frato composta por Felipe Malafaia Alves Miguel de Almeida Carvalho.

Jô – Por um Recife Mais Verde

Foi adotado como base para o game o gênero aventura, porém, com leves pinceladas de ação e situações de pluzzes. A personagem Jô irá se envolver numa grande aventura, onde, para avançar nos objetivos precisará enfrentar, de forma totalmente pacífica e ecologicamente correta, os oponentes e desvendar alguns quebra-cabeças (pluzzes) simples.

Mangue e Tal – O Mistério da Fábrica Sinistra

Neste jogo da Turma Mangue e Tal, a nova amiguinha Gil vai ajudar os personagens a enfrentarem um problemão que surgiu no Recife: mudanças climáticas. Os animais começam a sumir, as plantas começam a morrer e o lixo se espalhando por todo lugar da cidade. Mangue e Tal e o Mistério da Fábrica Sinistra é uma aventura touch com vários minigames divertidos e uma história envolvendo todos os integrantes da Turma Mangue e Tal em cenários como a Orla de Boa Viagem, Parque Capibaribe e Jardim Botânico.

Mangue e Tal – PlayGround City

Aprenda a cuidar bem do meio ambiente com o Mangue e Tal Playground City. Desenvolvido pela Nexo Interactive, o jogo conta com 2 minigames que tratam de maneira lúdica temas como coleta seletiva e a preservação do verde urbano.

Mangue e Tal – Marco Zero

Voltado para o público infanto-juvenil, tem como principal objetivo educar, de forma divertida, acerca de questões ambientais. No jogo, todos os eixos temáticos – sustentabilidade, verde urbano, resíduos sólidos, recursos hídricos e biodiversidade – são abordados. Desenvolvido no programa Unity, inicialmente para as plataformas Android , PC e WEB, o jogo envolve elementos de ação, aventura e corrida. Os personagens Jô, Dom, Riso, Otto, Morena e Dü Porto enfrentam diversos obstáculos para proteger o meio ambiente de sua cidade, Recife. O jogo é ambientado no Marco Zero, um cenário de grande relevância histórica e turística para a cidade. No decorrer do tempo, os personagens adquirem pontos – representados por número de árvores plantadas (Jô), lixeiras de coleta seletiva (Dom), animais salvos (Otto) e lixo coletado do rio (Riso) – que podem ser posteriormente trocados por prêmios da loja, que simbolizam a cultura local. Os jogadores também podem disputar quem consegue obter a maior pontuação. O conteúdo dos te tos educativos foi elaborado conjuntamente por Sofia Marques, graduanda em Psicologia da UFPE, e Alessandra Sobral, graduanda em Direito da UNICAP. A trilha sonora, a direção musical e o sound design, compostos por ritmos da ciranda e do maracatu, que remetem à cultura local, foram especialmente desenvolvidos por Mathias Severien, graduando em Produção Fonográfica da AESO, e Pedro Diniz, arranjador formado pela Escola de Música Contemporânea Tritonis. O conteúdo visual do jogo foi elaborado pelo artista 3D André Inojosa, formado pela SAGA (School of Art and Games).

Mangue e Tal Contra a Invasão das Máquinas

Em uma nova aventura no Recife, o personagem Otto com ajuda de seus amigos para tratar de problemas ambientais causados pela invasão de máquinas controladas por um software de inteligência artificial que pretende destruir toda a vida do planeta. O game de plataforma 3D oferece 5 níveis tratando de diferentes temas como biodiversidade e sustentabilidade dos mangues, poluição dos recursos hídricos dos rios e manguezais , devastação da Mata Atlântica (verde urbano) e contaminação da atmosfera com resíduos sólidos.

Mangue e Tal PlayBook

O Mangue e Tal PlayBook é uma plataforma gamificada que centraliza diversos materiais lúdicos. O projeto traz uma das historinhas da Turma Mangue e Tal em meio digital, juntamente com 5 jogos inéditos, e também centraliza outros conteúdos como vídeos e os jogos contemplados nas edições do Desafio EcoRecife, criando assim uma plataforma digital repleta de jogos e atividades lúdicas ligadas ao meio ambiente. A iniciativa é fruto de uma parceria entre a Prefeitura do Recife através da Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade e o curso de Jogos Digitais da Universidade Católica de Pernambuco.

Mangue e Tal Pocket

Destinado ao público infanto-juvenil, o jogo tem como principal objetivo educar, de forma divertida, acerca de questões ambientais envolvendo elementos de ação, aventura e corrida. Nele, a personagem Jô enfrenta diversos obstáculos para proteger o meio ambiente da cidade do Recife. Os cinco estágios do jogo são ambientados no Parque da Jaqueira, na Orla de Boa Viagem, na Praça de Casa Forte, no Jardim Botânico do Recife e no Rio Capibaribe. Após a Turma do Mangue e Tal ficar sabendo que a Perna Cabeluda (personagem inspirada no folclore pernambucano) está a solta, Jô é escolhida para enfrentá-la e salvar o verde do Recife. Equipada com o seu aspirador, a personagem sai pelos diversos espaços da cidade, tendo como missão principal acabar com os planos maléficos da Perna Cabeluda, que, junto com seus capangas, vêm sugando a energia das árvores, deixando sujeira e imundice por onde passam. No jogo, o aspirador de pó é utilizado como um jetpack pela personagem Jô, permitindo que salte sobre os obstáculos e colete moedas de forma mais rápida. Os comandos do jogo são simples, propiciando uma experiência bastante clara e divertida. Na medida em que o jogo avança, o nível de dificuldade das fases vai aumentando, inclusive com a entrada de diferentes mecânicas, como os pula-pulas no estágio da Praça de Casa Forte, o capanga gigante no estágio do Jardim Botânico e a canoa da luta final contra a Perna Cabeluda que acontece no Rio Capibaribe. Os jogadores podem ainda disputar para saber quem conseguiu obter a maior pontuação, por meio da coleta de moedas no decorrer das fases.

Mangue e Tal vs Dr. Lixo

Mangue e tal vs Dr. Lixo procura ensinar uma base de diferenciação dos lixos orgânicos e recicláveis em um jogo repleto de ação e aventura. O personagem Dom tem a missão de ultrapassar obstáculos para desarmar as máquinas que exalam lixo nas ruas da cidade do Recife. No cenário, o jogador possui dois tipos de disparos, um para reciclar o lixo orgânico outro para lixos recicláveis, sendo penalizado no caso de erro de identificação. Os controles foram otimizados para sistemas Touch e Keyboard, rodando em duas versões Windows 7 e Windows 8.1 em diante, esta última com suporte a um teclado virtual para movimentação e disparos. Jogo disponível em português contendo uma história ilustrada favorecendo a atmosfera noturna, envolvendo os locais conhecidos da Rua da Aurora e Marco Zero.

Meu Recife Melhor

O jogo é dividido em pequenas partidas, onde cada personagem precisa desempenhar o seu papel: Otto: Resgatar animais perdidos pela cidade; Jô: Trazer de volta o verde para as ruas do Recife; Riso: Diminuir a poluição dos rios; Dom: Contribuir com a coleta seletiva do lixo.

Preservando Recife

O jogador precisa ajudar a turma do Mangue e Tal a preservar a cidade, passando por vários lugares característicos de Recife. Aprender a separar o Lixo com o Dom; Ajudar Riso a limpar o Rio Capibaribe; Procurar com o Otto os animais da nossa região e participar com a Jô de uma fazenda de mudas de árvores são algumas das missões do game.

Recife Limpeza

A missão do jogo é ajudar a manter nossa cidade limpa coletando os lixos espalhados pelo meio ambiente e depositando cada qual em sua lixeira correta, usando para isso comandos de toque. Atenção e agilidade são atributos essenciais para se sair bem e conquistar um bom lugar no ranking dos melhores.

Reciclo

O jogo Reciclo trata o tema da reciclagem de resíduos sólidos de maneira didática, lúdica e interativa. Cada tipo diferente de lixo vai sendo apresentado no decorrer da história, acompanhado de curiosidades acerca da reciclagem. Para conseguir completá-lo, o jogador vai precisar prestar bastante atenção, além de desenvolver reflexos rápidos.

Rio Limpo

No jogo, os personagens Riso e Dom explicam os malefícios que a poluição dos rios trazem para as pessoas, o meio ambiente e até mesmo para as cidades, e fazem com que o jogador ajude na limpeza de um de nossos rios. O Gameplay se baseia na coordenação motora e tempo de resposta rápidos por parte do jogador para que este alcance uma pontuação cada vez maior e assim consega limpar de vez o rio.

Para continuar lendo:
Tenha acesso a 5 textos
gratuitos todo mês
Cadastre-se gratuitamente »
Aproveite todo conteúdo da Revista Algomais sem limites
Assine »