Vôlei: Brasil vence primeiras partidas na Copa do Mundo

Vôlei: Brasil vence primeiras partidas na Copa do Mundo

Publicado em 15/09/2019 por Revista algomais às 8:47
FIVB

A seleção brasileira feminina de vôlei conseguiu a segunda vitória na Copa do Mundo. Neste domingo (15.09), o Brasil venceu o duelo sul-americano contra Argentina por 3 sets a 0 (25/17, 25/19 e 25/16), em Hamamatsu, no Japão. Na estreia, a equipe do treinador José Roberto Guimarães superou Sérvia por 3 sets a 2. A equipe verde e amarelo busca um título inédito.

O Brasil voltará à quadra às 5h da madrugada desta segunda-feira (16.09) contra a Holanda. As duas equipes estão invictas na competição com duas vitórias. O SporTV 2 transmitirá ao vivo.

A ponteira Gabi foi a maior pontuadora da partida, com 18 acertos. A ponteira Amanda, com 11, e a oposta Lorenne, com 10, também se destacaram no confronto. Pelo lado da Argentina, a ponteira Nizetich foi quem mais pontuou, com 10 acertos.

Ao final do confronto, a atacante Gabi fez uma análise do resultado positivo do Brasil contra a Argentina.

“Foi uma vitória importante. Já evoluímos em relação a partida contra a Sérvia e comentemos menos erros. Nosso saque foi mais agressivo e o nosso bloqueio voltou a funcionar. Foi bom também para as jogadoras que estavam de fora participarem do jogo. Elas entraram e mantiveram o nível. É um campeonato longo e temos que crescer a cada confronto. Estamos buscando o nosso equilíbrio”, disse Gabi.

O treinador José Roberto Guimarães destacou o bom aproveitamento do bloqueio das brasileiras na partida contra a Argentina. O time verde e amarelo conseguiu 17 pontos com esse fundamento.

“Nosso time jogou bem principalmente na relação entre o bloqueio e a defesa. Esse foi um duelo sul-americano e a vitória foi fundamental para o nosso grupo. Sacamos bem e o bloqueio foi eficiente. Ganhar da Argentina foi muito importante para a nossa sequência na competição”, afirmou José Roberto Guimarães.

Sem as pernambucanas Dani Lins e Jaqueline, a seleção de vôlei deste ano tem a presença da ponteira Amanda como a única representante nascida no Estado. Amanda, que já jogou no Sport, nesta temporada volta a ser atleta do Rio de Janeiro e será comandada por Bernardinho. Ela foi banco na partida de estreia, mas atuou como titular diante das argentinas, terminando o jogo com 11 pontos.

Camila Brait retorna à seleção feminina

Em sua primeira partida oficial como titular pela seleção feminina desde o Grand Prix de 2016, a líbero Camila Brait foi um dos destaques da vitória do Brasil. A jogadora comemorou o retorno e falou da atuação do grupo brasileiro.

“Estou muito feliz em estar de volta. O jogo foi muito bom e uma vitória importante para o nosso grupo. A Argentina vem numa crescente e está evoluindo a cada ano. Por isso foi muito positivo termos vencido por 3 sets a 0. A Copa do Mundo é um campeonato longo e vamos precisar de todas as jogadoras. Agora vamos estudar a Holanda para fazermos um bom jogo nesta segunda-feira”, analisou Camila Brait.

Forma de disputa

Na Copa do Mundo, 12 seleções se enfrentam e a equipe que somar o maior número de pontos se sagrará campeã. A competição conta com a atual campeã mundial (Sérvia), o Japão (país sede) e as duas melhores seleções de cada continente no ranking mundial.

EQUIPES:

BRASIL – Macris, Lorenne, Amanda, Gabi, Bia e Fabiana. Líbero – Camila Brait
Entraram – Roberta, Sheilla, Mara, Gabi Cândido, Carol.
Técnico – José Roberto Guimarães

(Da CBV, com informações da redação)

Para continuar lendo:
Tenha acesso a 5 textos
gratuitos todo mês
Cadastre-se gratuitamente »
Aproveite todo conteúdo da Revista Algomais sem limites
Assine »