Sabe a diferença entre transexual, travesti e homossexual?

Sabe a diferença entre transexual, travesti e homossexual?

Publicado em 27/11/2017 por Revista algomais às 6:39

 

Preconceitos, muitas vezes, são derivados do desconhecimento que as pessoas têm de determinados assuntos. Com as questões relativas ao gênero não é diferente. Por isso, a Algomais Saúde traz algumas terminologias sobre o assunto, explicadas pela psicóloga e pedagoga Silvana Oliveira, que ajudam a entender melhor o tema.

De 1996 a 2016, Silvana trabalhou na Secretaria de Educação da Prefeitura do Recife, onde atuou na formação de professores e professoras na área de gênero e diversidade sexual. Atualmente, trabalha como psicóloga clínica e terapeuta familiar e de casal, é professora do Libertas, sociedade de ensino e pesquisa baseada na linha da análise bioenergética.

Silvana: “Gênero não é algo biológico relacionado, mas um conceito que se constrói culturalmente

A psicóloga ressalta que gênero não é algo biológico relacionado com os genitais, mas um conceito que se constrói culturalmente. “Ao prever e conceber a existência de um ser, já se programa e se projeta expectativas sobre sua identidade, inclusive sua identidade de gênero, o que a cultura (leia-se aí inserido, sociedade e família) tem construído sobre ser menina, ser menino”, analisa Silvana.

A cultura ocidental, explica a especialista, divide e padroniza o ser em somente duas classificações: feminino e masculino. “É importante desconstruir, desfazer esse olhar binário e limitado, ampliando diversas formas de ser e de existir na contemporaneidade, e assim, olhar para si e para o outro, em sua singularidade e liberdade de gênero”.

Veja alguns conceitos, que envolvem gênero e sexualidade e nos ajudam a refletir sobre essa ampliação de possibilidades:

Sexo biológico – a maneira como a pessoa é definida ao nascer e está relacionada com o órgão sexual: se possui vagina é mulher, se tem pênis é homem e se tem características corporais biológicas que não se encaixam estritamente como homem ou mulher é um indivíduo intersexo, que antigamente se chamava hermafrodita.

Gênero–está relacionado aos papéis que são socialmente construídos a partir da cultura. Refere-se a padrões de masculinidade e feminilidade construídos social e culturalmente, a partir das diferenças biológicas entre homens e mulheres. Essa construção é histórica, o que significa que está em constante processo de mudança. No mundo ocidental, por exemplo, estabeleceu-se como padrão que menina brinca de boneca, menino de bola. Há pessoas, porém, que não se enquadram nesses modelos e isso não significa nenhum tipo de doença física ou mental.

Identidade de gênero é a forma como cada pessoa se reconhece e se identifica com o seu gênero. Não depende dos genitais e também não se limita a homem ou mulher. Cada pessoa sente seu gênero da sua própria maneira. Ninguém escolhe o seu gênero. Um indivíduo pode nascer do sexo masculino, mas pode se perceber como mulher, assim como pode nascer mulher e se perceber como homem. Ou ainda, abranger ou excluir os dois.

Cisgênero – quando o indivíduo se identifica com o sexo de nascença.

Orientação sexual–está relacionada a maneira como sente atração por outras pessoas, trata-se da orientação sexual do desejo, que pode ser por pessoas do mesmo sexo, do sexo oposto, de ambos os sexos ou sem referência ao sexo ou ao gênero. Há pessoas que não sentem atração ou podem se identificar como assexuados.

Homossexualidade – quando se sente atração por pessoa do mesmo sexo.

Transgênero – trans vem do latim e significa “do outro lado, significa pessoa cujo gênero difere do gênero designado/imposto.

Homem trans–Nasceu do sexo feminino, mas na sua identidade de gênero se percebe como homem e fez ou objetiva fazer a cirurgia de transgenitalização (retirada do útero, ovário e das mamas). Na sua orientação sexual pode sentir atração por mulheres ou ser um homem trans gay, que sente atração por homens.

Mulher trans – nasceu do sexo masculino, mas na sua identidade de gênero se percebe como mulher e fez ou objetiva realizar a cirurgia de transgenitalização (retirada do pênis). Na sua orientação sexual pode sentir atração por mulheres e, será uma mulher translésbica, ou por homens, neste caso será uma mulher trans heterossexual.

Travesti – pessoa que nasceu do sexo masculino, tem identidade feminina, mas não pretende retirar o órgão genital.

Pansexual – aquele que sente atração por todas as expressões de gênero.

 

VEJA TAMBÉM

Psicólogos rechaçam a “cura gay”

 

Para continuar lendo:
Tenha acesso a 5 textos
gratuitos todo mês
Cadastre-se gratuitamente »
Aproveite todo conteúdo da Revista Algomais sem limites
Assine »