Bonito vive expectativa por um novo Parque Ambiental

Bonito vive expectativa por um novo Parque Ambiental

Publicado em 25/03/2019 por Revista algomais às 5:00
Com 105 hectares e investimentos de R$ 2,7 milhões, o parque Mucuri-Himalaya poderá ter um impacto no turismo tão grande quanto o teleférico. Crédito: Xande Produções

Depois do teleférico, outro investimento que está sendo articulado pelo poder público para o município tem como foco a Reserva Mucuri-Himalaya. Com 105 hectares, o espaço ganhará uma estrutura para ser um parque natural. Para isso, o município receberá um investimento de R$ 2,7 milhões, do Fundo de Compensação Ambiental do CPRH (Agência Estadual de Meio Ambiente).

Os recursos serão destinados para construção de uma infraestrutura para visitação no parque, com adequação de trilhas, ambientação de áreas para turistas contemplarem a paisagem e instalação do Centro de Referência Ambiental (CRA), com local de palestras e exposições, venda de suvenires e da própria gestão do parque.

Rafael Pereira: “Além de termos essa reserva preservada, o espaço será um diferencial para o destino turístico”.

.
“É uma obra de grande porte que será um marco maior que o teleférico para Bonito, na perspectiva da grandiosidade da valorização e da consciência de preservação que esse projeto vai mostrar ao município”, afirma a bióloga da Secretaria de Meio Ambiente de Bonito, Mireli Silva. Ela destaca que o CRA será um prédio ecológico, numa construção de baixo impacto ambiental, com sistema de geração de energia solar.

A reserva é parte dos 12% do território de Bonito que ainda tem cobertura de mata atlântica. Além do atrativo de contemplação da vegetação natural, é possível observar no parque o pintor verdadeiro, uma ave de sete cores que está ameaçada de extinção.
O Lago da Maguari, localizado na reserva, receberá um píer e mirante com vista para o Vale do Rodeadouro. “O píer tem a proposta de aproximar o turista dessa experiência ambiental. Não será permitido, no primeiro momento, pescar ou banhar-se, mas no futuro é possível que tenhamos também atividades no lago”, conta a bióloga.

A previsão de inauguração do Parque Mucuri-Himalaya é até o final do próximo ano. “Esse espaço trará outra experiência exclusiva para a cidade”, avalia Rafael Pereira, diretor de turismo do município. “Além de termos essa reserva preservada, a abertura do parque, com essa estrutura, será um diferencial para o destino turístico”, estima.

*Por Rafael Dantas, repórter da Revista Algomais (rafael@algomais.com)

Para continuar lendo:
Tenha acesso a 5 textos
gratuitos todo mês
Cadastre-se gratuitamente »
Aproveite todo conteúdo da Revista Algomais sem limites
Assine »