Compaz recebe Prêmio Cidades Sustentáveis 2019

Compaz recebe Prêmio Cidades Sustentáveis 2019

Publicado em 18/09/2019 por Revista algomais às 18:42

As boas práticas realizadas pelos Compaz do Recife levaram as Fábricas de Cidadania da Prefeitura do Recife a serem reconhecidas como o melhor projeto de redução de desigualdade social do Brasil, pela Oxfam Brasil e Programa Cidades Sustentáveis, no 3º Prêmio Cidades Sustentáveis. O Prefeito Geraldo Julio recebeu o reconhecimento ao trabalho feito nos Compaz, durante a Conferência “Catalisando Futuros Urbanos Sustentáveis”. No evento, o prefeito também participou da Rodada de Prefeitos, como presidente do ICLEI América do Sul e representando o presidente mundial do ICLEI, o prefeito de Bonn, na Alemanha, Ashok Sridhran.

“Aqui em São Paulo, a gente acabou de receber um prêmio da Oxfam, que é a instituição mais respeitada no mundo quando se fala em desigualdade social, e do Programa Cidades Sustentáveis, para o nosso Compaz, que foi escolhido como o melhor projeto de redução de desigualdade do Brasil. Estou muito feliz com esse resultado. O recifense conhece o Compaz, sabe que ele atende a crianças, a idosos e gera oportunidade para quem dificilmente tem oportunidades. E agora a gente fica muito feliz com o reconhecimento de uma entidade internacional, que luta pelo combate a desigualdade no mundo inteiro, e reconhece o nosso Compaz como o melhor projeto do Brasil”, comemorou o prefeito Geraldo Julio.

Com sua primeira unidade inaugurada em 2016, no Alto de Santa Terezinha, o Compaz foi concebido sob a ideia de oferecer, em um único espaço lazer, esporte, educação e oferta de serviço, com o propósito de garantir inclusão social e fortalecimento comunitário em áreas de vulnerabilidade social. O prêmio Cidades Sustentáveis tem como objetivo estimular as cidades a adotarem práticas que contribuam para a redução das desigualdades no país e é promovido pelo Programa Cidades Sustentáveis e pela Oxfam Brasil, com apoio do CITinova, Instituto Arapyu e Fundação Ford, em parceria com a Associação Brasileira de Municípios e Frente Nacional de Prefeitos.

A Oxfam Brasil faz parte de uma confederação global que tem como objetivo combater a pobreza, as desigualdades e as injustiças em todo o mundo. Desde 2014, somos membros da Confederação Oxfam, que conta com 19 organizações atuando em 93 países. No total, somos mais de 10 mil funcionários e 55 mil voluntários pelo mundo, contribuindo para aliviar a vida de milhões de pessoas em situação de emergência e contribuir para a transformação social com base nos direitos humanos e no desenvolvimento justo e igualitário.

OS COMPAZ – Os Centros Comunitários da Paz – Compaz – foram concebidos com foco na prevenção à violência, por meio da difusão da cultura de paz, inclusão social e fortalecimento comunitário. Baseado na experiência colombiana das Bibliotecas Parques e também de outras fontes de espaços de cidadania, o Compaz possui duas unidades no Recife. Conhecidos como “Fábricas de Cidadania”, os equipamentos se destacam tanto pela estrutura, quanto pela quantidade dos serviços e atendimentos oferecidos.

A primeira unidade foi inaugurada em 12 de março de 2016, no bairro do Alto Santa Terezinha, Zona Norte da cidade. O Compaz Governador Eduardo Campos oferece diversos atendimentos e atividades esportivas, com destaque para o Dojô, espaço de artes marciais, que chegou a marca de mais de 800 praticantes.

Em março de 2017, a segunda unidade foi entregue à população no bairro do Cordeiro: o Compaz Escritor Ariano Suassuna. Entre os destaques da unidade da zona oeste está o Ateliê Compaz, cujo foco é capacitar os participantes para geração de renda. Juntos eles atendem mais de 33 mil pessoas e já realizaram mais de 2 milhões de atendimentos.

Os dois equipamentos em atividade, além de garantir cidadania, oportunidades e transformar a realidade das regiões onde estão inseridos, já demonstram resultados efetivos na redução dos índices de violência. O Ariano Suassuna registrou 40% de redução nos homicídios no seu entorno, enquanto o bairro do Alto Santa Terezinha, onde fica o Compaz Eduardo Campos, não registrou nenhum homicídio em 2018. Estão em andamento as obras do Compaz Dom Hélder Câmara, no Coque e Governador Miguel Arraes, na Caxangá.

RODADA DE PREFEITOS – Pela manhã, ainda na conferência, o prefeito Geraldo Julio também participou da “Rodada dos Prefeitos”, onde destacou a importância da participação dos governos locais no enfrentamento a crise climática. Segundo o prefeito, a participação dos municípios é fundamental no debate global, pois é onde está a maior parte da população do planeta e onde ocorre a maior parte das emissões.

“Primeiro, é preciso reconhecer a crise climática como um problema a ser enfrentado e assumir o compromisso global de cuidar dessa crise. Estive pessoalmente na COP 19 e COP 20 já reinvidicando a participação das administrações nesse debate, pois é nas cidades onde vivem a imensa maioria das pessoas e onde acontecem a maior parte das emissões”, destacou o prefeito Geraldo Julio.

“O Recife é uma cidade onde um terço da população mora nas áreas de morro e o restante mora praticamente ao nível do mar, então esse enfrentamento é ainda mais importante. Procuramos apoio com metodologia internacional e fizemos um plano de redução das emissões e já fizemos a primeira aferição onde verificamos essa redução, com ações concretas de mitigação, resiliência e adaptação”, completou.

Participaram da Rodada de Prefeitos, além do prefeito Geraldo Julio, o prefeito de São Paulo, Bruno Covas, a adjunta para assuntos de áreas verdes, natureza e biodiversidade da Prefeitura de Paris, Penélope Komitès, o prefeito de La Paz, no México, Ruben Alvaréz, o governador de Abidjan, na Costa do Marfim, Beugré Mambé, Raquel Lyra, prefeita de Caruaru, entre outros.

(Da Prefeitura do Recife)

Para continuar lendo:
Tenha acesso a 5 textos
gratuitos todo mês
Cadastre-se gratuitamente »
Aproveite todo conteúdo da Revista Algomais sem limites
Assine »