Assine

Igarassu celebra os 200 anos da Revolução de 1821

Igarassu celebra os 200 anos da Revolução de 1821

Publicado em 20/10/2021 por Revista algomais às 17:42

Nesta semana a Comissão Organizadora e Executiva do Bicentenário da Junta Governativa de Goiana e da Convenção de Beberibe instalou um painel referente ao marco dos 200 anos da Revolução de 1821 na Câmara Municipal de Igarassu. O ato registra a participação da cidade, que na época era a Vila de Igaraçu, no Movimento Revolucionário. Lá a Junta Governativa de Goiana esteve sediada antes de fazer o cerco ao Recife e encerrar os dias de governo do português Luiz do Rego Barreto em Pernambuco um ano antes da Independência do Brasil.

O historiador Josemir Camilo conta no artigo Igaraçu e a Revolução liberal de 1821 que: “Igaraçu sediou o Governo de Goiana, em 15 de setembro de 1821, para traçar uma linha de cerco entre Rio Doce e Beberibe. Cercado, também, pelo sul e oeste, o general capitulou e o presidente da Junta de Goiana convocou Luiz do Rego a mandar representantes para Beberibe, onde estavam estacionadas Junta e tropas. Aí, se deu, de 5 a 9 de outubro a Convenção de Beberibe, que pacificou a Província e obrigou o general Luiz do Rego a deixar o governo e voltar para Lisboa. Igaraçu se fez representar na Convenção, por Francisco Pedro Bandeira de Mello, enviado por sua Câmara, que assinou a ata da Convenção de Beberibe”.

A comissão é composta pelos Instituto Arqueológico, Histórico e Geográfico Pernambucano -IAHGP, Instituto Histórico de Olinda – IHO e o Instituto Histórico, Arqueológico e Geográfico de Goiana – IHAGGO. O próximo destino das celebrações programado pela comissão será a cidade de Vitória de Santo Antão, município que também participou do Movimento Revolucionário de 1821, para aplicar um outro painel.

*Por Rafael Dantas, repórter da Revista Algomais (rafael@algomais.com)

Para continuar lendo:
Tenha acesso a 5 textos
gratuitos todo mês
Cadastre-se gratuitamente »
Aproveite todo conteúdo da Revista Algomais sem limites
Assine »