Assine

Requalificação da RioTeca da Vila Santa Luzia foi entregue

Requalificação da RioTeca da Vila Santa Luzia foi entregue

Publicado em 22/04/2021 por Revista algomais às 15:45
A biblioteca urbana, criada a partir da iniciativa de um morador da área, conta agora com o primeiro mirante da cidade que permite a contemplação do Rio Capibaribe deitado em gramado a céu aberto. Fotos: Rodolfo Loepert/PCR

Criar uma biblioteca às margens do Rio Capibaribe para estimular moradores da comunidade Vila Santa Luzia foi a ideia do marceneiro Claudemir Amaro da Silva quando, há 12 anos. A experiência de leitura e lazer do espaço popular ganhou um novo status a partir de hoje (22).  A RioTeca recebeu uma requalificação a partir do apoio da Prefeitura do Recife, por meio da Secretaria Executiva de Inovação Urbana.

A biblioteca urbana, que tem 956m² e fica na Rua Silves, ganhou melhorias de estrutura, passando a contar com bicicletário, passeio em tijolo intertravado, novas lixeiras, rampa de acessibilidade e teve o espaço de eventos, copa e banheiro todos cobertos e aprimorados. O local também ganhou o primeiro mirante da cidade que permite o morador ou visitante contemplar a vista para o Rio Capibaribe em pé, sentado ou até mesmo deitado em um gramado a céu aberto. O espaço ainda passou a contar com escadaria mirante, jardim, novas mesinhas de leitura, iluminação totalmente requalificada e parque infantil revitalizado com mais três novos brinquedos, beneficiando diretamente cerca de 410 famílias.

“Há 12 anos, o mato estava tomando conta aqui e, como eu não tenho medo de trabalhar, resolvi cuidar do espaço. Eu plantei árvores, construí uma pequena biblioteca, porque as pessoas podem ler e se educar. Depois veio a ideia do parquinho para as crianças, e depois um salão de festas. Como sou marceneiro, tudo o que eu recolhia do lixo, eu consertava, como cadeiras velhas. E eu agradeço muito a todos os que ajudaram a deixar tudo ainda mais bonito”, esclareceu Claudemir Amaro da Silva sobre a origem do projeto.

A ideia da requalificação seguiu os passos da proposta de revitalização do Jardim Secreto do Poço da Panela, que tem como principal objetivo fortalecer a ativação urbana a fim de valorizar ainda mais o potencial paisagístico, a convivência comunitária e a relação do recifense com o Rio Capibaribe. “Nossa vontade é que o exemplo de Claudemir e os moradores da Vila Santa Luzia inspire mais recifenses. E que o recifense cada vez mais seja o protagonista da transformação da sua cidade”, destacou o secretário executivo de Inovação Urbana, Tullio Ponzi.

A RioTeca é o segundo Transplante Urbano do Recife realizado pela Secretaria Executiva de Inovação Urbana. A iniciativa é fruto da parceria com a Concrepoxi Artefatos e, literalmente, transplantou para a área uma praça que havia sido montada na CASACOR 2019. A intervenção também é fruto do apoio direto do Banco Itaú e Armazém 1507, totalizando um investimento de R$ 300 mil. Destes, R$ 200 mil são provenientes da própria Prefeitura do Recife e R$ 100 mil da iniciativa privada.

“Então aqui tem biblioteca, espaço para confraternização, escadaria com acesso à margem, também foi feito um talude adequado para as pessoas poderem deitar, sentar, contemplar o rio e fazer a leitura. É isso que a gente precisa: fazer com que o Rio Capibaribe cada vez mais esteja próximo das pessoas, para que possam cuidar dele e valorizá-lo”, afirmou o prefeito João Campos, que esteve presente na reinauguração do espaço.

Para continuar lendo:
Tenha acesso a 5 textos
gratuitos todo mês
Cadastre-se gratuitamente »
Aproveite todo conteúdo da Revista Algomais sem limites
Assine »